4 dicas de como revender celulares e smartphones na internet

Aprender como revender celulares, especialmente no e-commerce, é uma solução que muitos empreendedores encontraram para conseguir uma boa renda em tempos de crise econômica e dificuldades impostas pela pandemia do novo coronavírus.

No primeiro ano de pandemia, o ramo de celulares e smartphones foi o segundo que mais faturou nas vendas online, representando 81,6% dentro do segmento de eletrônicos, segundo o relatório da NeoTrust.

Esse alto faturamento acontece não só por causa da grande popularidade desses itens, mas também pelo ticket médio mais alto quando comparado com outros segmentos.

Diante desse cenário, aprender como revender celulares pode ser uma ótima oportunidade para quem quer prosperar no comércio virtual. Assim, separamos quatro dicas incríveis para você ganhar dinheiro nesse segmento. Confira!

Como revender celulares e smartphones? 4 dicas 

  1. Saiba quais equipamentos vão compôr seu catálogo

Definir quais produtos inserir no seu catálogo de vendas é o primeiro passo antes de fazer seu primeiro negócio. 

Nesse momento, você deve fazer uma pesquisa sobre quais itens oferecem as melhores opções logísticas e financeiras para a revenda e quais são os maiores sucessos de venda do segmento.

Para saber quais produtos estão tendo melhor saída, vale dar uma olhada na lista de mais vendidos de marketplaces populares, como o Mercado Livre, para ter uma ideia do que vale mais a pena para estar no seu portfólio.

Fazendo essa pesquisa, você pode pensar até em acessórios de celulares e smartphones com bom índice de vendas que também podem compor o seu catálogo.

  1. Saiba escolher os melhores fornecedores

Quem quer aprender como revender celulares, deve saber que cada marca possui políticas próprias sobre o processo de revenda. 

Alguns aparelhos, por exemplo, só são acessíveis por meio de revendedores oficiais autorizados pela empresa, enquanto em outros casos pode ser necessário recorrer a uma distribuidora para expor os itens em seu catálogo.

Sua missão nessa fase é pesquisar com as principais fabricantes de celulares e smartphones e fazer cotação de melhores preços e condições de compra. 

Esse é um bom momento para avaliar se há condições financeiras propícias para revender determinado item e obter lucro com a negociação.

  1. Faça um bom planejamento comercial

Um bom planejamento comercial é mais complexo do que todos imaginam, e não ache que a história muda com pequenos ou microempreendedores. 

Não importa o tamanho da empresa, saber gerir bem seu negócio é fundamental para que qualquer e-commerce prospere na internet.

Diante disso, é preciso prestar atenção em ações importantes, como:

  • precificação adequada dos produtos que vai colocar à venda para evitar prejuízos;
  • definir os principais canais de comunicação e vendas com seu público-alvo;
  • preparar uma catálogo vistoso, descritivo e agradável para o cliente;
  • selecionar a estrutura logística de envio de dos produtos, entre outros fatores.

Portanto, se você quer aprender como revender celulares ou atuar em qualquer outro segmento, saiba que vários detalhes  precisam ser bem alinhados para entregar a melhor experiência de compra aos consumidores e que você tenha os lucros esperados. 

  1. Esteja nos principais marketplaces da internet

Uma regra de ouro para qualquer comerciante é saber em qual lugar estar para estar sempre pronto para servir seu cliente quando ele precisar consumir algo que você disponha. 

Afinal, uma empresa sem uma boa exposição e que não sabe anunciar seus produtos no lugar certo e visível ao seu público-alvo, com certeza vai comer poeira da concorrência no final do dia.

Sendo assim, se você é um lojista que deseja prosperar no comércio virtual, independente do segmento, há dois canais específicos que você não pode ignorar: as redes sociais e os marketplaces.

O primeiro se notabiliza pela proximidade com que o vendedor tem com seu público e pela possibilidade oferecer um atendimento direto e genuinamente personalizado. Além disso, há a opção de programar anúncios pagos para que eles sejam direcionados a prováveis clientes.

Já os marketplaces funcionam como um grande shopping center em tempos de transformação digital. Plataformas como Mercado Livre, Amazon, Americanas, Shopee, Submarino e muitas outras são alvos que todo lojista precisa ficar de olho.

Pois esses espaços possuem grande credibilidade perante o público e são um ótimo mecanismo de exposição em virtude da grande quantidade de acessos diários.  

Atualmente, inclusive, existem ferramentas de e-commerce capazes de inserir seu negócio nos principais marketplaces do país com apenas alguns clicks!

Portanto, se você seguir direitinho cada uma dessas quatro dicas de como revender celulares e smartphones na internet, as suas chances de conseguir um bom retorno financeiro com esse mercado são bem grandes. 

Esperamos que tenham gostado do conteúdo! Até a próxima!Este post foi escrito pela equipe do olist, uma solução completa para lojas que querem vender online de forma prática e profissional. Com milhares de lojas parceiras em mais de 180 países, o olist tem ferramentas que facilitam a criação de loja virtual, a venda em marketplaces e a operação logística no e-commerce. Conheça o olist.

Preto Café Editoria

Portal com as melhores notícias e conteúdos diários escolhidos especialmente para você. Aqui no Preto Café só fica mal informado quem quer. Seja bem vindo e desfrute do melhor portal de conteúdo da internet

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Voltar ao topo